O Principezinho (Nuvem de Letras)

Autor Antoine de Saint-Exupéry
ISBN 9789897843389
PVP 14,35 € (IVA incluído) Preço fixo até 31-01-2024
1.ª Edição fevereiro de 2022
Edição atual
Páginas 40
Apresentação Capa dura
Dimensões 275x245 mm
Idade 4+
Categorias Catálogo Catálogo Jardim de Infância e Pré-Escolar 1.º Ciclo de Ensino Básico Outros Títulos Recomendados Outros Títulos Recomendados Homepage Novidades 1.º Ciclo

Um clássico imprescindível em qualquer biblioteca, agora adaptado num belíssimo álbum.

(baseado na obra de Antoine de Saint-Exupéry)

As estrelas escondem um principezinho que ri. Tudo o que está escondido é belo.

Um piloto perdido no deserto acorda certa manhã e vê, especado à sua frente, um menino absolutamente extraordinário.

— Por favor, desenha-me uma ovelha — pede a criança.

O piloto pega numa caneta e numa folha de papel, e assim começa uma história mágica que revela o segredo do que é realmente importante na vida.

Poucas obras têm sido tão universalmente apreciadas como O Principezinho. Não é por acaso que é o livro mais traduzido depois da Bíblia, tendo sido publicado em mais de 400 idiomas. Trata-se de um livro cativante e único, mas também enigmático.

A edição original mudou o mundo dos seus leitores para sempre. Esta belíssima nova adaptação de Louise Greig e Sarah Massini conquistará o coração dos mais pequenos. A versão em álbum deixa precisamente o lado poético e misterioso do livro brilhar. O resultado é uma obra acessível aos mais pequenos, mas familiar o suficiente para tranquilizar os fãs mais crescidos do precioso livro original.

Afinal, «Tudo o que está escondido é belo.»

Antoine de Saint-Exupéry

Antoine de Saint-Exupéry (Lyon, 28 de junho de 1900 — Mar Mediterrâneo, 31 de julho de 1944), terceiro filho do conde Jean Saint-Exupéry, desde tenra idade revelou especial interesse pela aviação. Após uma passagem pela Escola de Belas Artes, onde estudou Arquitetura, ingressou no serviço militar, e recebeu treino como piloto. Bateu recordes de velocidade e desafiou os limites da segurança, mas foi ao serviço da Força Aérea francesa, numa missão de reconhecimento em 1944, que acabou por desaparecer ao largo da Córsega.

Das obras que escreveu, destacam-se Voo Noturno (1931) e Terra dos Homens (1939), valendo-lhe este último os prémios da Academia Francesa para Romance e o NationalBookAward nos Estados Unidos da América. Foi no entanto O Principezinho (1943) que o elevou ao estatuto de autor de um dos maiores clássicos da literatura, hoje traduzido em quase duas centenas de línguas.

Em 2004, os destroços do avião que pilotava foram encontrados a poucos quilómetros da costa de Marselha. Mas o seu corpo jamais foi encontrado, deixando assim envolto em mistério o desaparecimento de Antoine de Saint-Exupéry.

A sua vida, ao mesmo tempo romântica e heroica, está contada no livro Antoine de Saint-Exupéry – Vida e Morte do Principezinho (ed. Vogais).